Sesc RJ domina, vence por 3 a 0 e leva decisão das quartas para o terceiro jogo

Bloqueios do Rio e erros em massa do Bauru foram determinantes para o resultado final

 

Nessa noite de sexta-feira (22), no ginásio do Tijuca Tênis Clube-RJ, o Sesc não deu chances ao Bauru, vencendo a partida válida pela 2ª rodada de quartas de final da Superliga, com parciais de 25/10, 25/18 e 25/19. Com a vitória, as equipes forçam o acontecimento do 3º jogo, que ocorrerá no próximo dia 26, no mesmo local, às 21h30.

Jucyele teve grande destaque na partida, sendo a maior pontuadora, com 14 pontos, e levando o troféu VivaVôlei de melhor atleta do jogo. De maneira incrível, praticamente metade dos pontos do Sesc RJ foram de erros do Sesi-Barueri: elas erraram 37 vezes, cedendo 49% do total de pontos do Rio de Janeiro, que errou apenas 16 vezes. Já os bloqueios, foram 13 do Sesc RJ contra apenas dois do Bauru, durante a partida toda.

No primeiro período, o Rio já dava sinais de que entraria com agressividade pra cima do Bauru. Monique trabalhava bem e o time já atingia 6/2, forçando pedido de tempo de Anderson Rodrigues. Kosheleva era outra que fazia boa apresentação pelo Rio e o segundo pedido de tempo do técnico Anderson veio em 13/16 para o Sesc RJ.

Leia também: Superliga Feminina: Displicente, Fluminense é derrotado pelo Praia Clube e é eliminado nas quartas de final

Monique seguia fazendo um impecável primeiro set e se aproveitando de levantamentos de Bia e Roberta para acertar a diagonal e fazer o Rio abrir até 22/7, com o Bauru estagnado nesses sete pontos desde a marca dos 13/7. A conta do primeiro set foi fechada em 25/10 para o Rio, em 19 min, com incríveis 21 pontos por erros do Bauru.

“Mudamos a postura, mudamos a atenção no jogo. Entramos com o braço mais curto, coisa que a gente não vinha fazendo. Entramos respeitando. A gente tem que respeitar, sim, a gente tem que respeitar na decência, não respeitar na bola, eu acho que nós respeitamos muito na bola, mas tá bom. Eu acho que a gente precisa mudar nossa postura, a gente precisa jogar mais. A gente tem que deixar de encolher e nós encolhemos”, comentou o técnico Anderson Rodrigues, do Bauru, com a nossa reportagem.

No segundo set, Tifanny e companhia dificultaram um pouco mais o jogo para o Rio e começaram abrindo uma vantagem em 5/3. A inconsistência das visitantes fez o Sesc conseguir virar em 7/6, mas a reviravolta do Bauru veio em 10/9 a partir de alguns erros de recepção do Rio, principalmente da líbero Gabiru.

Mas a força de Kosheleva, que apareceu bastante nesse segundo tempo, foi fatal para o Rio voltar à frente e alargar em 15/11. Os erros do Bauru eram gritantes, no que parecia falta de atenção da equipe e Vanessa atirava na rede para o Rio chegar em 20/15. Após boa sequência, o Bauru apertou um pouco com 21/18 na parcial, mas Bernardinho pediu tempo e só deu Rio. Fim de segundo set com 25/18 para as cariocas, em 24 minutos: 2 sets a 0.

“Acho que a nossa postura foi diferente. O espírito do time – a gente jogou juntas o tempo inteiro. E a gente conseguiu colocar em prática tudo o que o Bernardo (técnico Bernardinho) passou pra gente, que a gente não conseguiu no último jogo”, foi o que disse Kasiely, do Sesc RJ, na entrevista com a nossa reportagem.

Veja mais: Séries B1 e B2 do Campeonato Carioca tem sua tabela de jogos definidas

No início do terceiro set, o Sesc RJ já mostrava que ia ser muito difícil para o Bauru vencer o jogo. Jucyele acertava muitos bloqueios e Kosheleva atacava sempre forte, e o placar de 7/2 foi construído, forçando pedido de tempo. Os erros de saque do Sesi eram múltiplos e o Rio se aproveitava. Quando Valquíria sacou na rede, era o 18º ponto do Sesc, contra apenas 9 do Bauru. Após o set point do Rio, ainda foram necessários cerca de três minutos para resolver o jogo, entre rallys, pontos do Sesi, parada para secar a quadra e pedido de tempo. Porém, tudo terminado em 25/19 para o Rio, em 25 minutos.

 

Confira os resultados da 2ª rodada de quartas de final da Superliga Feminina:

Minas 3×1 Curitiba

Fluminense 0x3 Praia Clube

Osasco 3×2 Barueri

 

Minas e Praia Clube já estão classificados para a próxima fase.

 

 

 

 

 

Por: Hugo Gervásio  |  Foto de destaque: Gisa Alves/Divulgação

You May Also Like

One thought on “Sesc RJ domina, vence por 3 a 0 e leva decisão das quartas para o terceiro jogo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Social Share Buttons and Icons powered by Ultimatelysocial
Facebook
Facebook
YouTube
YouTube
Instagram