O tenista Andy Murray anuncia em coletiva que pretende se aposentar em Wimbledon

O ex número 1 do mundo, Andy Murray, falou em entrevista coletiva hoje que deve se aposentar das quadras. O britânico vem sofrendo de fortes dores em seu quadril. Murray passou por uma cirurgia no ano passado, mas as dores persistem e o impossibilita de jogar seu melhor tênis. “Não consigo colocar a meia sem sentir dor. Eu posso jogar com limitações, mas a dor não tem me deixado aproveitar, competir e treinar. Eu gostaria de parar em Wimbledon, mas não sei se chego até lá”, disse Andy.

O bicampeão olímpico (2012 e 2016) atuou 12 vezes na temporada passada. Ele confirmou que jogará o Australian Open desse ano. “Sim, eu vou jogar. Eu ainda posso jogar, mas não um nível que eu me sinto feliz jogando. A dor é muito grande, e não quero continuar jogando dessa maneira”. A estreia será contra o espanhol Roberto Batista Agut.

Andy Murray tem 45 títulos em sua carreira. São três grand slams, dois na grama sagrada de Wimbledon e um no USOpen. Murray completa 32 anos no dia 15 de Maio.

O Aberto de tênis da Austrália terá inicio na próxima segunda-feira.

Foto de destaque: EPA/Darren England

Por William Faria

You May Also Like

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Social Share Buttons and Icons powered by Ultimatelysocial
Facebook
Facebook
YouTube
YouTube
Instagram