Após 20 anos fora da Copa do Mundo, a Itália volta à Copa com o brilho de Barbara Bonansea

Com a estrela, idade avançada e mulher no comando, a Itália pode frear o sonho brasileiro

A Itália é a terceira adversária do Brasil, no dia 18 de junho, às 16h, no Stade du Hainaut, em Valenciennes. A seleção italiana está muito ligada ao seu país, por exemplo já tivemos aqui no Tabela Carioca as Seleções da Jamaica e a Seleção Australiana, ambas com jogadores que brilham fora dos seus países. Das 22 jogadoras convocadas, apenas a zagueira Elena Linari joga fora do país, no Atlético de Madrid.

Leia mais:Jogando bem o primeiro tempo, Brasil leva virada e é derrotada pela Austrália na Copa do Mundo

A Azzure chegou ao mundial com sete vitórias e oitos jogos nas Eliminatórias, batendo equipes como Portugal e Bélgica. Os bons resultados fazer com que expectativa de melhorar o histórico em copas é grande, anteriormente o mais longe em que a Itália foi em uma quarta-de-finais, na Copa do Mundo de 1991, na China, na ocasião foi eliminada pela Noruega.

A seleção que cumpre a rigor a escola italiana, tem no seu forte sistema defensivo a segurança necessária para atacar. Outro ponto positivo é a média de idade de 27 anos.

A craque:

Barbara Bonansea, de 28 anos, é a melhor jogadora do país da bota. Responsável por levar a Itália a Copa do Mundo. Além disso, meia-atacante é já foi campeã italiana por 4 vezes, duas pelo Bréscia e duas pela Juventus, agora Barbara quer conquistar o Mundo.

Se liga que disse Douglas Costa falou sobre sua companheira de clube:

Na última partida de preparação para copa, a seleção italiana venceu a Suíça por 3 a 1. Já na sua estreia no Mundial, a Itália surpreendeu a Austrália venceu 2 a 1, com dois gols da Barbara Bonansea e emplacou 5 x 0 na Jamaica, garantindo a vaga antecipada nas oitavas de finais.

Nesta Copa do Mundo apenas nove seleções são treinadas por mulheres. A Itália é uma delas, inclusive, é única no grupo C. Confira as jogadoras que foram convocada pela ex jogadora, Milena Bertolini, para disputa da Copa do Mundo 2019:

Goleiras:  Laura Giuliani (Juventus), Chiara Marchitelli (Fiorentina), Rosalia Pipitone (Roma).

Defensoras: Elisa Bartoli (Roma). Lisa Boattin (Juventus), Laura Fusseti (Milan), Sara Gama  (Juventus), Alia Guagni (Fiorentina), Elena Lenari – (Atlético de Madrid), Linda Tucceri Cimini (Milan).

Meias: Valentina Bergamaschi (Milan), Barbara Bonansea (Juventus)m Valentina Cernoia (Juventus), Aurora Galli (Juventus), Manuela Giugliano (Milan), Alice Parisi (Fiorentina), Martina Rosucci (Juventus), Annamaria Serturini (Roma).

Atacantes: Cristiana Girelli (Juventus), Valentina Giacinti (Milan) / Ilaria Mauro (Fiorentina). Daniela Sabatino (Milan), Stefania Tarenzi (Cheivo Verona).

 

Por: Bruno Dias| Foto de capa: divulgação Federação Italiana

You May Also Like

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Social Share Buttons and Icons powered by Ultimatelysocial
Facebook
Facebook
YouTube
YouTube
Instagram