Vôlei de Praia: Duplas brasileiras vão mal e são eliminadas da etapa de Doha do Circuito Mundial

Guto/Saymon e Pedro Solberg/Vitor Felipe pararam nas oitavas, e Alison/Andre e Bruno/Evandro não passaram da repescagem. Torneio é o primeiro da corrida olímpica brasileira

 

Não foi o melhor dia do vôlei de praia brasileiro. Jogando em Doha, no Catar, as duplas brasileiras foram eliminadas na manhã desta quinta-feira (14), parando nas oitavas de final e repescagem do torneio. A etapa é a primeira da corrida olímpica do vôlei de praia brasileiro que classifica duas duplas para Tóquio 2020.

Leia também: Judô: Seleção Brasileira viaja com 23 atletas para o Grand Slam de Ecaterimburgo

Pela manhã no Catar – ainda madrugada no Brasil -, Bruno e Evandro – que estreavam a parceira internacionalmente – foram derrotados pelos canadenses Pedlow e Schachter por 2 sets a 0 (20/22 e 17/21) na repescagem. O time havia vencido uma partida e perdido outra, na fase de grupos. No mesmo horário, Alison e André Stein perdiam para os cataris Cherif Younousse e Ahmed Tijan. Jogando em casa, Cherif e Ahmed fizeram um fácil 2 a 0, com parciais de 21/15 e 21/19, também pela repescagem.

Guto/Saymon e Pedro Solberg/Vitor Felipe haviam vencido as duas partidas da fase de grupos, classificando direto para as oitavas de final. Guto e Saymon perderam para os irmãos Grimalt, do Chile, de virada. Marco e Esteban – que vieram da repescagem – se recuperaram, após perderem o primeiro set por 21/11 e fizeram 12/21 e 10/15 no tie-break, em cima dos brasileiros. No mesmo horário, Pedro Solberg/Vitor Felipe eram derrotados pelos russos Nikita Liamin e Igor Velichko, por 2 sets a 0: 15/21 e 16/21.

Irmãos chilenos (foto) evoluíram muito no Circuito Mundial após começar a treinar com atletas brasileiros. (Foto: Divulgação/FIVB)

O Brasil contou ainda com Ricardo e Álvaro Filho, porém a parceria perdeu os dois jogos da fase de grupo, dando adeus ao torneio do Catar.

 

Doha é a segunda de dez etapas de nível quatro estrelas programadas para o Circuito Mundial 2019. Além dessas dez etapas, terão mais duas etapas cinco estrelas e o Campeonato Mundial, que contabilizam pontos para o ranking olímpico. A classificação olímpica dura até fevereiro de 2020.

O vôlei de praia feminino estreia na etapa de Xiamen, na China, que ocorre de 24 a 28 de abril.

 

 

 

Por: Danilo Goes |  Foto de destaque: divulgação/FIVB

You May Also Like

One thought on “Vôlei de Praia: Duplas brasileiras vão mal e são eliminadas da etapa de Doha do Circuito Mundial

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Facebook
Facebook
YouTube
YouTube
Instagram